Encontro em Passo Fundo

O convite para que a Lazinha fosse junto com o Teo a Passo Fundo, foi para que ela pudesse conhecer o trabalho de inclusão que é feito, em uma das escolas da cidade. Ela até comprou um caderno novo para anotar tudinho, pois se interessa muito pelo assunto.

No avião, já pesquisaram o material que os pais do Teo tinham levado sobre a cidade. Decidiram visitar a Escola que tem um brilhante trabalho de inclusão e tentar encontrar um jornalista, amigo dos pais do Teo, que escreve histórias infantis também!

Ao chegar na cidade, passaram pela praça principal e, que surpresa! No centro dela, uma enorme cuia de chimarrão.

Chimarrão? O que é isso ? Perguntaram ao mesmo tempo o Teo e a Lazinha

­ _ Chimarrão é um tipo de chá que é servido bem quente, ali naquele tipo de cuia e que a gente toma com a bomba, disse o pai do Teo.

_Não chamamos chá, completou a mãe, é mate, feito com erva mate - uma bebida indígena tradicional da região sul do país.

Ficaram hospedados na casa de familiares. De noite, houve um grande encontro entre familiares e amigos. Lazinha ficou um tantinho tímida, por estar sem seus pais e com pessoas que não conhecia. Mas tudo tem uma primeira vez e ela lembrou que sua mãe brinca com ela dizendo prá não se preocupar com a saudade... pois a saudade some assim que se encontrarem de novo!

Ficou impressionada com a alegria de todos e o jeito de cuidar e decorar a casa da senhora Juju, dona da casa.

Um jardim lindo! Cada cantinho bem cuidado. E até para arrumar a mesa tinha um jeito diferente, com régua, medindo distância  entre pratos e talheres!

 

Mas, a maior surpresa foi ter dentre os convidados, o escritor que já pensavam em encontrar!

Uma festa só! Justo no Dia Mundial do Livro e dos Direitos do Autor!

E ela ficou contente ao poder ensinar, ao escritor, como se usa um tablet e como se  pode ler histórias no computador, linguagem meio esquisita, segundo ele, que não está acostumado com essas “engenhocas modernas”, como diz.

 

Conversaram com ele, conheceram seus livros infantis.

 

Um deles, conta a história de Passo Fundo, de um jeito muito diferente, até parece que o jornalista e escritor, Ivaldino Tasca, conhece a Floresta dos Rolls e Regolish, pois a história da cidade é contada por dois dinossauros.

TOCO & ZAZA – Os dinossauros sapecas contam a história de Passo Fundo.

E o outro livro tem um título muito engraçado que dá vontade de ler logo, só para ver o que acontece: O dia em que o gênio da lâmpada falhou.

Uma das coisas que chamou a atenção da Lazinha é que, os dois livros, a cada capítulo, têm atividades a serem feitas: colorir, completar. 

E aqui ficam algumas perguntas prá você que está lendo ou escutando esta história:

- quando você sai para passear -  fazer uma visita, ou viajar, cuida das suas coisas?

- você é daquele tipo que todo mundo gosta de ter junto nos passeios? Se não for muito assim, já pensou por que acontece isso? Conversou com alguém?

- você gostaria que o pessoal, lá de Regolish, enviasse desenhos para você colorir?

Conta prá gente, vai! É só nos escrever!